Mutação Interview: Coveiro, um dos editores do Marvel 616

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Mutação Interview: Coveiro, um dos editores do Marvel 616

Mensagem  leonardobento em Ter Maio 11 2010, 08:33

Mutação: Bom dia, Coveiro. É um prazer termos aqui mais um de nossos parceiros na entrevista. Primeiramente a gente queria conhecer mais da história do Marvel 616. Quando foi que começou? Quais foram as grandes mudanças ao decorrer do tempo?

Coveiro: Bom, pessoal, eu costumo falar que tudo em torno da 616 aconteceu por acaso e o engraçado é como as coisas foram naturalmente se encaixando. Quando decidi começar uma nova comunidade no Orkut, após problemas na X-men Brasil, eu simplesmente pensei apenas em criar uma alternativa que englobasse todo o universo 616 num fórum. E qual foi minha surpresa quando acidentalmente a data de fundação da comunidade foi em seis de janeiro de 2006 (06/01/06). Passou-se um ano e – durante um gigantesco bug do Orkut – senti a necessidade de ter um outro lugar para poder falar sobre esse meu hobby favorito que são as HQs da Marvel. Daí, junto com o João , o Jota e o Eddie montamos em uma semana o site, que estreou quase que um ano após a comunidade. Até então, não tínhamos idéia de até onde isso iria parar, mas estávamos nos divertindo pra valer e a coisa foi crescendo ainda mais. Mudanças ocorreram como sempre ocorrem, seja nos gibis e fora deles.. A Cammy juntou –se a equipe, o Jota nos deixou para seguir outras paragens. Com três homens e uma mulher, nosso editorial ficou ainda mais com a cara de “Quarteto Fantástico” e esta tornou-se a nossa formação mais sólida. Surgiram os colaboradores com o tempo e, depois, o cargo de redatores. E enquanto seguíamos com nossa diversão, a coisa toda foi ganhando notoriedade e quase fugindo das nossas mãos. O contato com desenhistas de renome como Adriana e Deodato, foi quase que num esbarro. De repente, conseguimos um infiltrado na coletiva de impressa da entrevista do Hugh Jackman, quando ele esteve no Brasil. Os editores da Panini quase sempre se mostraram bem receptivos e participativos seja na nossa comunidade ou fora dela. No fim, como posso dizer, estávamos vendo o potencial da 616 para crescer ainda mais no universo dos quadrinhos. Foi quando começamos a pensar mais sério nessa nossa brincadeira do dia a dia.

Mutação: O Mutação em Debate é uma iniciativa que se inspirou na seção Em Foco, do Marvel 616. Mas agora o site está com outras novidades para 2010: os podcasts e os vídeos. Você pode falar mais sobre as iniciativas e deixar os links para o pessoal acompanhar?

Coveiro: Poxa, muito bacana saber disso, pessoal. Na verdade, vou contar uma história pequena pra vocês. Criamos o site e já estávamos com a idéia na cabeça de que as discussões entre editores e convidados que chamávamos de “Em Foco” deveriam ser nosso carro forte. Seria como um espelho das elaboradas discussões do Orkut, só que levadas para um âmbito maior na internet. O único problema é que no começo disso tudo, eu estava acabando de chegar em São Paulo de mala e cuia e tive que fazer boa parte desses “chats” numa lanhouse. Bom, deu tudo certo e como vocês puderam ver a coisa toda cresceu e agora evoluiu para o formato de um podcast. O nosso podcast, chamado de Inominata 616, é mérito completo do nosso editor Edvando e tem a vantagem de agora vocês se aproximarem mais da gente e até levarem a nossa discussão para ouvir em seu MP3 player ou celular. Já o Canal 616 era uma idéia antiga, mas faltava amadurecermos ainda como site de quadrinhos. E foi ótimo dar esse tempo, pois tanto ganhamos alguma notoriedade como o público já tem uma identificação com cada um dos editores. Fica mais fácil para todo mundo. E para quem não nos ouviu ou no viu no Inominata 616 e no Canal 616 fica a dica. Entra no site www.marvel616.com e no canto superior direito terá os ícones para os índices desses dois programas. Vale muito a pena conferir.

Mutação: Como são divididos os trabalhos no site? Vocês resenham muito material. É por ordem de chegada ou as revistas já estão pré-definidas?

Coveiro: É verdade. Não era nem nosso plano original trabalhar com tanta coisa assim por mês, mas isso veio em resposta aos leitores. No começo, o site ainda estava se desenhando para que público iria atender e vimos que as resenhas das revistas em português tinham bastante resposta. Daí, chegamos a conclusão que para atendermos esse público que só lê revistas em português, deveríamos ter essas resenhas de uma forma completa e periódica. Paralelamente, teríamos ainda as noticias das novidades que acabavam saindo nos EUA, mas seriam “alertadas” com um aviso vermelho “anti-spoiler”, de tal modo que nenhum leitor que acompanhe nosso site seja indevidamente “estragado” com revelações fora de hora. Assim,em todo o começo de mês, montamos uma espécie de cronograma e discutimos quem fica com o que ao longo dos 30 dias. Na maioria das vezes, temos dias da semana pré-definidos e boa parte dos aficionados por alguma equipe ou história reserva o que quer antecipadamente. Isso tudo é decidido com troca de emails, que apelidamos de “Direto do Editorial 616”. Já os artigos de notícias de cinemas, jogos e novidades que acontecem lá fora são montados pelo primeiro que vê a informação divulgada em outros sites na internet.

Mutação: Qual você acha que é o diferencial do 616 em relação a sites mais genérios, como o HQManiacs, o Universo HQ ou o Omelete?

Coveiro: A diferença principal é que ocupamos outro nicho. Não queremos nem em sonho entrar nessa briga de peixe grande. O site é voltado para um público específico, os leitores que acompanham a Marvel e acabam se interessando pelas outras mídias que esses personagens conquistaram. Não queremos ser algo grande e generalista, mas nos esforçamos para ser os mais completos e rápidos na divulgação dessas informações relacionadas a editora em português. E isso acaba tornando a 616 um espaço agradável para aquele que se diz marvelmaníaco ler sobre seus heróis e universo preferidos e até discutir com os demais leitores em nossa sessão de comentários. O outro diferencial que vêm em conseqüência disto é que a equipe que compõe o Universo Marvel 616 transita entre dois pontos: somos Informadores e Fãs. É verdade que desde que decidimos levar a coisa mais a sério, ganhamos uma cara mais “jornalística”, mas nunca vamos nos distanciar da nossa informalidade original. E com isso, temos o que considero a terceira diferença de destaque: não se distanciar de seus leitores. E isso é uma fórmula que a Casa das Idéias por si só ensina. Tudo é uma troca e muitos esquecem disso. A dica é aproximar-se e retribuir o contato com os leitores. Com isso, sempre que possível respondemos aos emails, participamos dos fóruns e dos comentários do site e tentamos vez ou outra trazer para o Inominata 616 e Canal 616 o nosso público que deseja interagir. E aqui vai uma dica para quem curte o nosso trabalho e quer se arriscar nessa loucura: Não se espelhe em ninguém, não queira competir com site de fulano ou sicrano. Busque na verdade o seu nicho nesse mundo. Ocupe-o e faça o diferencial. Se parar um pouco para pensar, vai ver que há um descampado virtual esperando gente de talento tomar posse e fazer bonito.


Mutação: E por que o nick Coveiro X?

Coveiro: Agora, você me pegou! Hahaha... É uma longa história. E o “x” não tem nada a ver com os mutantes. Era apenas um diferencial para ter um MSN com coveiro no nickname. Daí, você me pergunta “qual é a do Coveiro?”. Bem, é um apelido da adolescência, reflete um provérbio bem sacana lá do Nordeste, que no final, significa que a pessoa é “mineirinho”, como vocês chamam por aqui, ou “come-quieto”.

Mutação: Os X-Men são seus personagens mais queridos? Qual deles é seu favorito? E qual foi a melhor história do grupo em sua opinião?

Coveiro: Não, o meu preferido é o Falcão de Aço! HahAHa... Na verdade, acredito que cada herói teve sua importância pra mim em uma fase da minha vida. Os X-men me chamaram atenção na adolescência. Antes deles, era certamente o Homem-Aranha. E para minha surpresa, acabei descobrindo que lá pelos 5 anos adorava o Capitão América (ou meu pai adorava) e me achei numa foto antiga vestido como o Bandeiroso. Mas é fato certo que os mutantes foram bastante marcantes na minha vida e na de muita gente, principalmente no anos 80 e 90. Gosto do Noturno, ele seria o meu “clássico” preferido. Fora da equipe principal, sou fã do Cable e acho fantástica toda a história de fundo que montaram para ele. E tenho ciência que muita gente vai me xingar por isso! Hahaha. Já sobre a melhor história, é difícil escolher uma aqui. Mas posso citar uma da X-force? Sabe aquela história desenhada pelo Greg Capullo e escrita pelo fantástico Fabian Nicieza em que a equipe muda de uniforme e o Samuel Gurthie toma a liderança e opta por fazer o time seguir seu próprio caminho? Pois bem, ali tem uma lição que aprendi que levo até hoje, sobre “a mão fechada e a mão espalmada”. Se puderem reler, façam. É fantástico como Nicieza conseguiu definir e direcionar tão bem o grupo com uma única edição..

Mutação: O que você espera que aconteça de mais interessante nas histórias mutantes em 2010?

Coveiro: Lá nos EUA!? Bem, sinceramente, eu estou adorando a nova fase. Toda essa conclusão do que poderemos chamar de “Trilogia da Messias” está sendo fantástica pra mim. E diferente de que muita gente acha, sou a favor de todo o retorno dessa discriminação acirrada aos mutantes. Não curtia o caminho que o Morrison tomava e achei que mesmo começando com alguns roteiristas ruins, o pós Dia M era o caminho certo. Atualmente, temos conflitos pesados e boas tramas. Espero que continuem trilhando por aí. E rezando para que finalmente a dupla Christopher Yost e Craig Kyle assuma o controle das principais revistas, X-men e Fabulosos X-men.

Mutação: Os membros do 616, inclusive você, não tem nenhuma pontinha de interesse na DC? Participam de algum site similar, mas decenauta?

Coveiro: Se o João estivesse aqui ele iria dizer que eu sou um fã do Lanterna Verde enrustido! Tudo isso só porque ele achou uma vez uma revista do Hal Jordan que certamente foi infiltrada em minha coleção. Hahaha...Brincadeira! Nem curto essa briga entre fãs. Na verdade, eu até li algumas coisas do Lanterna Verde, por exemplo. Adorei a fase do Kyle Rayner, mas não consegui acompanhar o suficiente. A verdade é que, muito mais pela falta de tempo, depois pelo dinheiro, fico limitado a apenas um universo para acompanhar. Nesse ponto, o João e o Eddie são muito mais informados que eu, mas acho que não sobraria tempo para eles participarem de mais um site. Já a Cammy, ela tem olhos exclusivamente para tudo sobre Tony Stark. E quando ela ler isso, vai me matar! Hahaha...

Mutação: Além de ser um x-maníaco, o que podemos saber mais de você? Está envolvido em outros projetos voltado para os quadrinhos?

Coveiro: Sempre, paralelo a minha profissão, brincava de ser roteirista e desenhista, mas tudo por hobby. Não tenho o traço para comics, mas gosto de rabiscar, fazer umas tirinhas, perco meu tempo livre sempre com o lápis. Porém, como vocês notaram, o tempo livre acabou e essas coisas estão cada vez mais distantes. Ainda assim, consigo saciar esse meu gosto por quadrinhos com o trabalho no Universo Marvel 616. Através do site, consegui me aproximar do pessoal que trabalha nessa área e dar minha contribuição pra essa nona arte. Assim, surgiu a idéia para mais um projeto. Estamos ousando mais uma vez e o site vai realizar pela primeira vez um evento temático para fãs da Marvel. É o M-Day ou Marvel Day, anunciado recentemente e que vocês poderão acompanhar todas as novidades deste dia especial pelo site www.marvelday.blogspot.com .. Espero ver todos lá! Nesse e nos próximos que pretendemos repetir.

Mutação: Como fazer para ser um colaborador do Marvel 616?

Coveiro: Estamos sempre procurando pessoas que escrevam bem para nos ajudar com as resenhas. Há até uma imagem com o Stan Lee convocando novos soldados para o time. Mande um email pra marvel616@gmail.com e fale de seu interesse. Certamente, algum dos editores irá entrar em contato com você e te explicar como você poderá ajudar. O bom disso tudo é que os colaboradores mais participativos, que escrevem com desenvoltura e empenhados, acabam subindo de posto e se tornando redatores. Foi o caso do Brizola, Felga, Léo, Jeferson e mais um que estaremos convocando em breve. Por mérito deles, que são excelentes braços direitos, acabaram ganhando resenhas de maior responsabilidade, acesso direto ao site, participação nos programas e – claro – mais trabalho na mesa. HAhaHA.

Mutação: Agradecemos a sua participação e desejamos muito sucesso para vocês.

Coveiro: Eu quero agradecer a vocês do Mutação pela oportunidade. É sempre bom essa troca de idéias com outros grupos fãs de quadrinhos como a gente.

_________________
Jean Grey: You would die for them?
Wolverine: No, not for them. For you. For you.
avatar
leonardobento
Diretor do Instituto
Diretor do Instituto

Mensagens : 2423
Data de inscrição : 21/10/2009
Idade : 29

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Mutação Interview: Coveiro, um dos editores do Marvel 616

Mensagem  DekaBarueri em Sex Ago 05 2011, 20:24

bela entrevista e o pessoal da marvel616 ,me fez acompanhar mais sobre o mundo da marvel
avatar
DekaBarueri
Aluno-X
Aluno-X

Mensagens : 7
Data de inscrição : 29/04/2010
Idade : 37
Localização : BARUERI - SP

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum